segunda-feira, 4 de junho de 2012

ESTAÇÃO SINIMBÚ - Escondida na área rural de Cataguases, ao lado do Rio Pomba.

Data da Matéria: 04/06/2012





Estive na Estação em maio de 2012

Inaugurada em 1º de novembro de 1878

Linha Caratinga - km 362,544 (1960)




Partindo de Dona Euzébia em direção a Cataguases, chegamos à Estação de Sinimbú, que foi inaugurada entre 1878 e 1880. Aparentemente foi construída para atender à Fazenda de mesmo nome que existe no local.
Com as fortes chuvas do final de 2009 e de 2011, o rio Pomba transbordou causando as duas maiores enchentes registradas na Zona da Mata mineira inundando toda a região e danificando estações como a de Dona Euzébia e principalmente Sinimbú, que fica muito próxima ao rio, como pode ser visto na foto onde aparece a ponte de acesso rodoviário ao local que também cedeu com as chuvas, ficando inclusive proibida a passagem de veículos pesados sobre ela.  
Graças ao trabalho de recuperação do patrimônio histórico ferroviário de Cataguases feito pela prefeitura daquela cidade, o prédio passou por reforma se encontrando em perfeito estado, com projeto de transformá-lo em espaço cultural.
Os trilhos ainda estão no local, mas a linha não é utilizada há alguns anos. O trecho pertence à FCA, que hoje opera no transporte de bauxita partindo da estação seguinte, Barão de Camargos, com destino ao estado do Rio de Janeiro.











A ponte rodoviária que dá acesso ao local teve suas estruturas abaladas pela enchente do Rio Pomba do final de 2011 e está interditada para o tráfego de veículos pesados.






Casa Sede da Fazenda Sinimbú. Foto de Ricardo Quinteiro de Mattos.


Abaixo, ontem/hoje.



Nenhum comentário:

Postar um comentário