quinta-feira, 21 de junho de 2012

Registro fotográfico de um dos mais famosos acidentes ferroviários de nossa região, num dos cenários mais belos da E. F. L.






Recebi do amigo Edson Honorato e-mail com fotos raríssimas que registram um dos maiores e mais famosos acidentes ocorridos em nossa região. Trata-se do descarrilhamento de toda uma composição que tombou dentro do Rio Novo, próximo à cabeceira da ponte existente entre as Estações de Furtado de Campos e São João Nepomuceno, divisa deste com o município de Rio Novo, um dos mais belos cenários da Estrada de Ferro Leopoldina.
Abaixo, o relato do Edson e as fotos que nos enviou:
“Caro amigo!.
Tudo o que sabemos devemos passar para o nosso próximo e nisso acho que pensamos da mesma forma. Praticamente por toda a minha juventude vivi às margens da E. F. Leopoldina aqui no Rio de Janeiro onde resido e por essa razão tenho preferência por ela (Leopoldina). Gosto do trabalho de campo da forma que você fez em relação às fotos da serra de BICAS (Estação de Telhas).
Por isso, hoje irei reportar-me às cenas do desastre registrado nas três primeiras fotos abaixo em que, segundo informações um tanto contraditórias, teria ocorrido em 24 de dezembro de 1945. Na madrugada daquele dia uma composição com carga diversa com destino a São João Nepomuceno perdera o freio e em conseqüência precipitou-se no rio cujo nome é Rio Novo. Do triste fato faleceu apenas o maquinista, visto que o foguista conseguiu pular da composição a tempo.
Como também gosto do trabalho de campo, na última vez que estive em Bicas refiz aquele trajeto, quando tirei as duas últimas fotos onde é possível perceber o declive acentuado do terreno por onde a composição passou já sem freios, a beleza natural do lugar e a qualidade da foto (modéstia à parte) da ponte que, apesar de nos trazer tristes lembranças, é um lugar realmente lindo.”






O mais interessante é que, alguns dias antes do Edson me enviar estas fotos, estive no mesmo local para fotografar este que é um dos mais belos cenários da antiga estrada de ferro que visitei até o momento, como pode ser visto nas fotos abaixo:


























Nenhum comentário:

Postar um comentário