sexta-feira, 21 de junho de 2013

ESTAÇÃO MAR DE ESPANHA - Novidades sobre a Estação final do Ramal que partia de Pequeri.

Matéria atualizada em 03 de março de 2018.


Belíssima panorâmica da cidade, onde ainda podemos ver - em baixo, no centro da foto - a estação, a caixa d'água e o girador de locomotivas. Foto do acervo do Espaço Cultural Falabella.





Em visita à cidade de Mar de Espanha para novas fotos da Estação, estive também no Espaço Cultural Falabella, onde fui carinhosamente recebido por Maria José dos Santos Gribel, presidente desta belíssima instituição que trabalha pela preservação e divulgação dos bens culturais do Município.
Trata-se de um maravilhoso espaço de preservação da história da cidade, onde encontrei novas e preciosas fotos e informações sobre a passagem da Estrada de Ferro Leopoldina pela cidade. 
O Centro Cultural possui grande acervo histórico, entre eles inúmeros exemplares do Jornal "O Atlante", publicação semanal que em seu n° 19, datado de 27 de março de 1927, noticiava a mudança de horários dos trens da Leopoldina Railway.
Lá também encontrei belo registro fotográfico de uma composição estacionada na plataforma da Estação no ano de 1916.
Também encontrei outras belas fotos: uma "panorâmica" onde ainda podemos ver a estação, a caixa d'água e o girador de locomotivas. 
Outra onde ilustres passageiros embarcam no trem estacionado na estação, importantes registros de um tempo romântico, onde o trem era o principal protagonista de belíssimas histórias.   



Foto do acervo do Espaço Cultural Falabella.

Belíssimo registro do embarque de passageiros na Estação de Mar de Espanha, vendo em destaque na foto Renato Madeira e Antônio Carlos Madeira - filho e neto de Nico Madeira, ex-delegado da cidade de Mar de Espanha. Foto do acervo do Espaço Cultural Falabella.









quinta-feira, 6 de junho de 2013

ROCHEDO DE MINAS - Novas descobertas graças a Marcelo Detoni, amigo e leitor de nosso site.









No dia 21 de maio recebi um daqueles e-mail’s que nos dão grande prazer e que justificam realizar trabalhos de criação de um blog como otremexpresso.
Trata-se da preciosidade enviada pelo amigo leitor Marcelo Detoni, da cidade de Rochedo de Minas. Em seu e-mail uma mensagem que vale publicar na íntegra, acompanhado de uma bela e porque não dizer histórica foto:

“Meu nome é Marcelo e sou da cidade de Rochedo de Minas. Venho acompanhando a história da Estrada de Ferro Leopoldina desde pequeno e a pouco mais de um ano descobri o seu blog, que preserva a memória da estrada de ferro em nossa região.
Tenho uma imagem que gostaria que você colocasse em seu blog.
Se você observar bem irá perceber a construção da rodovia MG 126 bem ao fundo, do lado esquerdo da imagem.
Visitando o blog, vi também sua visita ao antigo leito da ferrovia em Rochedo de Minas. Talvez você não saiba, mas ainda há uma placa de ferro em uma antiga passagem de nível que está dentro da cidade, próximo à entrada de um sítio e também há um pontilhão entre os Bairros Anízio Medina e São Francisco, pontilhão este que até começaram a desmontar.”

Graças a informações preciosas como estas é que podemos mostrar mais detalhes e marcas da história da Estrada de Ferro Leopoldina em nossa região. Atendendo à indicação do Marcelo, retornei a Rochedo de Minas e fiz o registro fotográfico de mais estes belos sinais de que um dia o trem passou pela cidade.






















quarta-feira, 5 de junho de 2013

Projetista biquense apresenta a nova Estação de Estevão Pinto.




Depois do belo trabalho executado pelo projetista Cláudio Escaraboto apresentado aqui no site quando reergueu a Estação de Chiador, Cláudio nos presenteia com novos desenhos, agora da Estação de Estevão Pinto, segunda estação do Ramal para Mar de Espanha partindo de Pequeri e que também já foi apresentada aqui no site em matéria datada de 29 de abril de 2011.
Vale à pena conferir!